A promover os valores da cultura Algarvia.

V - X - Y - Z

Victor Manuel Caetano Borges, nasceu na Quinta do Freixo, freguesia de Benafim, concelho de Loulé, no dia 2 de Agosto de 1962, tendo falecido na mesma freguesia, no dia 17 de Fevereiro de 2012, com 49 anos de idade.

De família algarvia, na infância acompanhou os seus pais, emigrantes em França, onde viveu e estudou, tendo regressado a Portugal na adolescência. Posteriormente, voltou a emigrar, desta vez para os Estados Unidos da América, tendo estudado e trabalhado, em arquitectura, durante cerca de dez anos, na cidade de Nova Iorque.

Arquitecto, escultor, escritor e investigador, Victor Borges repartiu os seus últimos vinte anos de vida entre os seus trabalhos de arquitectura e artísticos e a investigação sobre as origens do Cristianismo, que deram azo à elaboração do presente livro. Para aprofundar os seus conhecimentos e a investigação que levava a cabo, viajava com frequência, tendo permanecido largas temporaras em cidades como Roma, Vaticano e Amesterdão, em busca de documentos e vestígios arqueológicos.

Entre os seus trabalhos de arquitectura, destaca-se o “Pátio de D. Antónia”, um monumento à memória de Antónia do Carmo Provisório da Silva Campos, localizado na freguesia de Benafim.

Enquanto escultor, foi autor de alguns conjuntos escultóricos, de que se destacam, a Ara Vitae, uma escultura em bronze; um monumento a al-Mu’Tamid, em Beja e trabalhava, no momento da sua morte, num monumento a Isabel de Portugal, a erguer na cidade de Bruges.

Na pintura e no desenho, destacam-se as várias extrapolações sobre Silves Islâmica, que estiveram em exposição no Castelo de Silves (em 2001) e no TEMPO (Teatro Municipal de Portimão – em 2011).

Em 2011 inicia a sua carreira literária, com a edição do livro Cursum Perficio – Viagem a Akhshânba”, uma obra de ficção baseada na vida da poetisa árabe - natural de Silves – Maryam al-Ânsarî e a sua viagem pelo Algarve, numa edição da Orfeu, Livraria portuguesa e galega, em Bruxelas.  


 

 

Xavier Vieira Xufre , nasceu na povoação da Guia, concelho de Albufeira em Dezembro de 1940.Foi funcionário do ministério da educação, desempenhando funções de professor, orientador pedagógico. Foi nomeado inspector mas não tomou posse do lugar por ter optado por desempenhar funções políticas no município de Albufeira.

Foi vogal da junta de freguesia da guia, vogal e presidente de uma comissão administrativa da Câmara Municipal de Albufeira, foi vereador e Presidente da supracitada Câmara municipal.

© 2014 Todos os direitos reservados.

Desenvolvido pela CASTécnica